CGU promove live de capacitação sobre o uso do Portal de Dados Abertos

Source: Republic of Brazil 2

Evento, no dia 20 de agosto, abordará aspectos acerca do funcionamento e potencial do Portal. Servidores e interessados na temática podem se inscrever por meio de formulário eletrônico
A Controladoria-geral da União (CGU), por meio da Secretaria de Transparência e Prevenção da Corrupção (STPC), realiza, no próximo dia 20 de agosto, a live “Portal Brasileiro de Dados Abertos – Conhecer, Usar e Catalogar”. O evento ocorrerá das 15h às 16h30 via Plataforma Teams e as inscrições podem ser realizadas por meio de formulário eletrônico até a véspera do evento.
A live abordará aspectos fundamentais sobre o funcionamento e a importância do Portal de Dados Abertos (www.dados.gov.br).  O objetivo é apresentar os aspectos essenciais, como, por exemplo, a necessidade de inserir metadados e de manter as bases de dados atualizadas; explicar os critérios adequados de catalogação; bem como permitir a troca de experiências entre órgãos publicadores de dados e profissionais ou cidadãos consumidores.
A capacitação é destinada, prioritariamenten, aos servidores que utilizam o Portal para catalogação das bases de dados dos órgãos públicos. As inscrições, porém, estão abertas para quaisquer interessados na temática, em especial, cientistas e jornalistas que utilizam os dados governamentais catalogados na plataforma. O Portal  Brasileiro de Dados Abertos é uma plataforma que objetiva centralizar a oferta de dados públicos em formato aberto.
INDA
A iniciativa faz parte do Programa Continuado de Orientação e Capacitação em Dados Abertos e Reúso de Dados, previsto pela CGU no plano de ação da Infraestrutura Nacional de Dados Abertos (INDA) para o biênio 2021-2022. Por meio do programa, serão realizados outros três eventos em linhas temáticas de capacitação até o final do próximo ano, com a colaboração dos diversos atores do ecossistema de dados abertos.
O plano de ação da INDA prevê, ao todo, a realização de dez iniciativas voltadas ao fortalecimento da Política de Dados Abertos e dos instrumentos de atuação na área. As ações contemplam o aprimoramento do framework de dados (guias, padrões e orientações), a revisão geral das bases publicadas no Portal Brasileiro de Dados Abertos, além da completa reformulação do portal, dentre outras.
Saiba mais sobre o plano de ação em: https://wiki.dados.gov.br/Plano-de-Acao-da-INDA-2021-2022.ashx

MIL OSI

BNDES lança o Prêmio Dados Abertos para o Desenvolvimento

Source: Republic of Brazil news

O Prêmio Dados Abertos para o Desenvolvimento é uma iniciativa do BNDES para incentivar a colaboração entre governo e sociedade e para estimular o desenvolvimento de estudos, análises e soluções de empreendedorismo tecnológico que contribuam para aprimorar e modernizar a gestão pública.

Serão premiados os três melhores trabalhos que utilizarem os dados do BNDES disponibilizados em formato aberto.

Cronograma

Inscrições: de 29 de junho a 1º de agosto de 2021. Faça sua inscrição.

Início das atividades on-line: 4 de agosto.

Divulgação dos vencedores: 20 de setembro.

Veja as regras

O Prêmio Dados Abertos para o Desenvolvimento tem como objetivos:

  • incentivar a colaboração entre governo e sociedade;
  • promover o engajamento de agentes públicos, cientistas e jornalistas de dados, programadores e desenvolvedores de TI e empreendedores; e
  • desenvolver estudos, análises e soluções de empreendedorismo tecnológico para problemas complexos e desafios que contribuam para o aprimoramento e a modernização da gestão pública.

Podem se inscrever: participantes individuais ou em equipes formadas por até cinco integrantes. O BNDES poderá oferecer aos participantes, por meio da plataforma designada ou outros canais disponíveis, atividades abertas de apoio ao desenvolvimento dos trabalhos, como palestras, mentorias, webinários, oficinas e similares.

Os trabalhos serão avaliados conforme os seguintes critérios de avaliação: Impacto (45%); Usabilidade (25%); Criatividade e originalidade (20%); e Qualidade Técnica (10%).

Os três melhores trabalhos que utilizarem os dados do BNDES disponibilizados em formato aberto serão premiados da seguinte forma:

  • 1º (primeiro) colocado – R$ 15 mil reais.
  • 2º (segundo) colocado – R$ 10 mil reais.
  • 3º (terceiro) colocado – R$ 5 mil reais.

Acesse aqui o formulário de inscrições.

Edital

Sobre os Dados Abertos

O BNDES aderiu de forma voluntária à Política Nacional de Dados Abertos, do Governo Federal como parte do nosso compromisso com os avanços em transparência.

Com essa iniciativa, pretendemos trazer ganhos à administração pública, com ampliação da participação e controle social e contribuições para a gestão decorrentes da análise dos dados abertos; além de ganhos para a sociedade, por meio da melhoria da gestão pública e do serviço público como um todo.

Saiba mais sobre o Plano de Dados Abertos do BNDES.

Acesso o Portal de Dados Abertos do BNDES

Fonte: https://www.bndes.gov.br/wps/portal/site/home/transparencia/iniciativas/premio-dados-abertos

MIL OSI

UNIRIO abre consulta pública para priorizar a abertura de dados da Universidade

Source: Republic of Brazil 2

Data de publicação
06/07/2021 13:25

A Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) está elaborando seu novo Plano de Dados Abertos (PDA), de acordo com o Decreto nº 8.777, de 11 de maio de 2016, que instituiu a Política de Dados Abertos do Poder Executivo Federal, e com a Resolução nº 3, de 13 de outubro de 2017, do Comitê Gestor da Infraestrutura Nacional de Dados Abertos (CGINDA).
Nesse sentido, convidam a sociedade a participar da construção do referido Plano, por meio de consulta pública, indicando as bases de dados produzidas na Universidade que são objeto de interesse público e relevância para o cidadão, a serem priorizadas para futura abertura no período de vigência do próximo PDA.
A consulta pública está disponível na Plataforma Participa Mais Brasil (https://www.gov.br/participamaisbrasil/plano-de-dados-abertos-unirio-priorizacao-de-abertura-de-bases-de-dados-), de 05/07 a 23/07/2021. Para participar, os interessados deverão fazer o cadastro no site https://www.gov.br/participamaisbrasil/pagina-inicial.
Fonte: Portal da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

MIL OSI

Ministério da Cidadania abre consulta pública sobre bases de dados

Source: Republic of Brazil 2

Até 25 de junho, consulta deve mensurar o interesse da sociedade nas bases de dados aptas à abertura para construção do novo Plano de Dados Abertos
O Ministério da Cidadania disponibiliza, a partir desta quinta-feira (10) até o próximo dia 25, consulta pública para que a sociedade manifeste interesse pela abertura de novas bases de dados do órgão.
Essa ação visa fomentar a participação cidadã e otimizar os esforços para priorizar a abertura de bases do MC, em conformidade com a Política de Dados Abertos (PDA) do Executivo Federal.
Acesse a Consulta Pública
Ao todo, a consulta apresenta 22 novas bases relacionadas aos temas desenvolvimento social e esporte. O resultado da consulta pública contribuirá para a elaboração do Plano de Dados Abertos (PDA) do MC, que terá vigência de julho de 2021 a julho de 2023.
Esse será o primeiro PDA do MC, desde a sua criação, que se deu com a junção dos antigos Ministérios do Desenvolvimento Social e do Esporte.  Até o momento, já foram abertas 42 bases relacionadas aos temas de desenvolvimento social e 05 de esporte.
Participação Social e Política de Dados Abertos
A realização da consulta pública visa buscar a participação social na priorização de abertura de bases e atende à determinação do Decreto 8.777/2016, que criou a Política de Dados Abertos do Poder Executivo Federal, e à Resolução nº 3, do Comitê Gestor da Infraestrutura Nacional de Dados Abertos (CGINDA),  que regulamenta dispositivos do Decreto.
A Política de Dados Abertos determina que todas os órgãos da Administração Pública Federal Direta, Autárquica e Fundacional disponibilizem suas bases de dados em formato aberto – ou seja, sem restrições de licenças ou patentes, permitindo o livre acesso, utilização, modificação e compartilhamento.
Fonte: https://www.gov.br/cidadania/pt-br/noticias-e-conteudos/desenvolvimento-social/noticias-desenvolvimento-social/ministerio-da-cidadania-abre-consulta-publica-sobre-bases-de-dados

MIL OSI

CGU publica Plano de Dados Abertos

Source: Republic of Brazil 2

Data de publicação
10/06/2021 13:34

Documento contendo previsão de abertura de novas bases terá vigência até junho de 2023 
A Controladoria-Geral da União (CGU) publicou hoje seu terceiro Plano de Dados Abertos (PDA). O documento, que terá vigência no biênio junho/2021 – junho /2023, começou a ser elaborado em 2020 e promoveu uma ampla articulação entre todas as áreas do órgão, com vistas a garantir a essencial transversalidade de suas ações. 
 O PDA/CGU prevê a abertura de seis novas bases, as quais foram priorizadas pela sociedade após a realização de consulta pública. A base “Cadastro dos municípios avaliados no âmbito da Escala Brasil Transparente – Avaliação 360º”, que recebeu o maior número de votos, está prevista para ser disponibilizada já neste mês. 
Antes de sua publicação, o documento foi apresentado pela Secretaria de Transparência e Prevenção da Corrupção ao Comitê de Governança Interna da CGU, que deliberou por sua aprovação. 
Segundo o Diretor de Transparência e Controle Social, Breno Barbosa Cerqueira Alves, “o lançamento do novo PDA é mais uma forma de demonstrar os esforços que a CGU realiza para consolidar a transparência e a cultura de dados abertos no âmbito do Poder Executivo Federal”.  
Para o Secretário de Transparência e Prevenção da Corrupção, Roberto Cesar de Oliveira Viégas, “o PDA cumpre uma determinação da Estratégia de Governo Digital que irá contribuir com o aumento da transparência das informações públicas produzidas pela CGU, com vistas a favorecer sua utilização por parte dos cidadãos”. 
Para acessar o Plano de Dados Abertos da CGU, clique aqui

MIL OSI

CGU e Unesco prorrogam edital de contratação para reformular Portal de Dados Abertos

Source: Republic of Brazil news

Interessados têm até dia 31 de maio para encaminhar proposta. Empresa de comunicação digital será selecionada para melhorar navegação e interatividade do site

A Controladoria-Geral da União (CGU) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) prorrogaram, até 31 de maio, o prazo para receber propostas no âmbito do projeto de reestruturação do Portal Brasileiro de Dados Abertos. O edital UNES 1620/2020 é destinado a selecionar e contratar empresa de comunicação digital, que ficará responsável por melhorar a navegação, arquitetura da informação, interatividade, entre outros requisitos.

O objetivo da reformulação do site é torná-lo um canal mais eficiente, com vistas a facilitar a navegação e apresentação das informações, além do consumo e reutilização dos dados pelos usuários. O processo faz parte de um acordo de cooperação com a Unesco, seguindo as regras exigidas pelo organismo internacional.

As principais atividades previstas no edital são: especificação dos requisitos para atender às demandas da CGU e às necessidades da sociedade; produção de novo design/layout – inteligível, amigável e visualmente atrativo; elaboração de nova arquitetura de informação e wireframes; desenvolvimento de arquivos de interface, estruturados em protótipo navegável.

Instruções

De acordo com o Edital UNES 1670/2020, os interessados deverão encaminhar a solicitação de proposta, até às 16h do dia 31 de maio, abrangendo três componentes: Documentação de Habilitação; Formulário de Apresentação de Proposta e Proposta Técnica (inclusive os documentos que demonstram que o Licitante atende a todos os requisitos); Proposta Financeira e Tabela de Preços.

Acesse a Plataforma de Licitações da Unesco

Informações e esclarecimentos sobre o edital podem ser solicitados pela Plataforma de Licitações da Unesco, partir do cadastro prévio na ferramenta. Para o envio do questionamento, acesse o menu “meus processos” e, em seguida, entre na “área de mensagens” do Processo UNES 1670/2020.

Sobre o Portal

O Portal Brasileiro de Dados Abertos funciona como um catálogo único que facilita a indexação, busca e uso de dados publicados pelos órgãos do governo. O objetivo principal é facilitar o acesso do cidadão aos conjuntos de dados disponibilizados pelo governo para que todos possam encontrar e utilizar os dados e as informações públicas.

MIL OSI

BNDES publica Plano de Dados Abertos

Source: Republic of Brazil news

Data de publicação

26/04/2021 19:29

Banco aderiu de forma voluntária à Política de Dados Abertos

O Banco Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico (BNDES) publicou Plano de Dados Abertos (PDA), vigência 2021-2023, que prevê a disponibilização de 54 bases em formato aberto. Dentre as bases previstas para abertura, cabe destacar: desembolsos do sistema BNDES, desembolsos do sistema BNDES para micro, pequenas e médias empresas e indicadores financeiros do BNDES.

A elaboração de Planos de Dados Abertos faz parte das exigências da Política de Dados Abertos do Poder Executivo Federal, estabelecida pelo Decreto nº 8.777/2016 e pela Resolução nº 3/2017 do CGINDA. Essas obrigações abrangem os órgãos da Administração Pública direta, autárquica e fundacional, o que não é o caso do BNDES, uma empresa pública.

Contudo, o Banco aderiu de forma voluntária à Política de Dados Abertos do Poder Executivo Federal, buscando consolidar uma boa prática e avançar em ações de transparência, com vistas à melhoria da gestão pública e do serviço público como um todo.

O cumprimento da Política pelos órgãos pode ser conferido no Painel de Monitoramento de Dados Abertos da CGU e as bases de dados já abertas por instituições governamentais podem ser acessadas no Portal Brasileiro de Dados Abertos.

>> Acesse o PDA/BNDES
>> Acesse a página de Dados Abertos do BNDES

MIL OSI

MCom lança Plano de Abertura de Dados

Source: Republic of Brazil news

Data de publicação

16/04/2021 18:04

O Ministério das Comunicações (MCom) publicou no Diário Oficial da União (DOU), nesta sexta-feira (26/3), portaria que cria o Plano de Dados Abertos (PDA). O documento traz um cronograma com as primeiras bases de dados a serem abertas este ano a partir de julho.

Um dos primeiros programas a ter a base de dados aberta no portal é o Cidades Digitais. A ideia é divulgar, por exemplo, a lista de municípios atendidos pela iniciativa, que leva internet para equipamentos públicos, ampliando o acesso a serviços públicos e o desenvolvimento local por meio da tecnologia.

O sistema também vai trazer informações dos Centros de Recondicionamento de Computadores, programa que trabalha com duas vertentes: a de oferecer cursos profissionalizantes sobre pequenos consertos de computadores; e a de destinar as máquinas reformadas para espaços de inclusão digital, escolas, assentamentos rurais, entre outros locais. Número de jovens atendidos pelo programa e a quantidade de computadores doados serão alguns dos itens disponibilizados no portal.

Plano de Dados Abertos

O PDA faz parte da Política de Dados Abertos do Governo Federal e tem o objetivo de organizar e padronizar o processo de publicação de dados para consulta da população e dos órgãos públicos. Dados abertos são aqueles que podem ser livremente acessados, utilizados, modificados e compartilhados por qualquer pessoa.

Clique aqui e acesse o Plano de Dados Abertos do MCom

Link da notícia: https://www.gov.br/mcom/pt-br/noticias/2021/marco/mcom-lanca-plano-de-abertura-de-dados

MIL OSI